nov 03

Softwares livres na área da saúde.

O uso de softwares livres nos últimos anos se ampliou no Brasil favorecendo as diversas áreas do conhecimento e laborais. Neste artigo tenho o intuito de esclarecer alguns softwares livres utilizados na área da saúde e ressaltar quais os impactos e avanços que estes trouxeram para saúde pública no país.
Palavras- chave: Softwares, Saúde, Brasil.

Autores: Ana Flávia Pacheco dos Santos: anapflavia em hotmail.com

Leia o ARTIGO COMPLETO aqui

nov 03

Google Earth aplicado a Aquacultura

A atividade de criação de peixes no mundo cresce diariamente, mostrando-se importante na economia do país. Percebe-se que o software, Google Earth, tem um potencial enorme para quem necessita grandes áreas no planeta. Mediante isto proponho mostrar a melhor forma de profissionais aquícolas a utilizar o software.
Autores: Victor Martins Corrêa: k2victor_13 em yahoo.com.br

Leia o ARTIGO COMPLETO aqui

nov 03

Comunidades Virtuais e a Educação a Distância Inserções históricas e legais, avanços e possibilidades docente

Este Paper propõe uma reflexão sobre o papel de comunidades virtuais de aprendizagem; apropriações e possibilidades, trazendo conceitos, bases históricas e legais, tecendo comentários sobre a demanda e deslocamentos do ensino-aprendizagem em EaD no Brasil.Tem por objetivo analisar as potencialidades de CVA no AVA e o papel do professor em EaD. Usa como metodologia uma abordagem qualitativa com base em pesquisa bibliográfica e documentos disponibilizados em sites, atrelando teoria e prática. Conclui da importância de CVA num AVA para a construção de conhecimento e resignificação do papel do professor (a) no uso de tecnologia educacional e novas metodologias.
Autores: Telma da Silva Barbosa: telmbarbosa em gmail.com

Leia o ARTIGO COMPLETO aqui

nov 03

Software Estatístico

O Uso de Softwares livre na Estatística
Resumo
Com o aumento dos dados a serem analisados o uso de softwares se propagou na área estatística possibilitando assim a realização de cálculos mais complicados. Muitos softwares estão disponíveis no mercado, mas sua grande maioria possui licenças caras e não tem seu código fonte disponível, tornando o seu uso restrito a um grupo de pessoas, no entanto existem os softwares livres que são softwares que podem ser usados,copiados,estudados e redistribuídos sem restrições. Na estatística existe alguns softwares livres como o Gretl (é um que compila e interpreta dados econométricos) o R (uma interface para cálculos estatísticos e gráficos) e outros.
Estes softwares são muito usados por alunos devido as liberdades que os softwares livres oferecem.

Palavras-Chave:
Software livre
Estatística
Software R

Autores: Ana Bárbara Costa Reis: ana.ufmg em yahoo.com.br
Fernanda Cardoso Barbosa: fernandacardosob em hotmail.com

Leia o ARTIGO COMPLETO aqui

nov 02

Softwares livres nas organizações públicas no Brasil: a implantação do BR Office Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região e no Serpro

Este artigo discute o uso do software livre nas organizações públicas do Brasil com u
intuito de verificar se sua adoção como estratégia administrativa propicia a economia
dos gastos. Para a realização deste trabalho, estudamos os caso de implantação do Br
Office no Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região e no Serpro.Os resultados
indicam que a adoção do software livre proporcionou redução de custos.
Palavras chave: Software Livre, Organizações Públicas, Economia
Autores: gabriel rocha campanha: gacampanha em gmail.com
Cleber Ribeiro de Oliveira: clebergp em yahoo.com.br
INGRID LAMOUNIER MACHADO: ingridlamounier em hotmail.com

Leia o ARTIGO COMPLETO aqui

nov 02

As liberdades essenciais do software livre e a mercadorização do conhecimento

O trabalho buscará fazer uma reflexão, de maneira sucinta, sobre como as liberdades essenciais do software livre impedem a transformação do software em mera mercadoria, sobretudo através da garantia de acesso ao seu código-fonte, preservando-lhe a essência enquanto conhecimento humano.
Autores: Gleidston Alis Mendes de Campos: gleidstonalis em gmail.com

Leia o ARTIGO COMPLETO aqui

nov 02

O uso do Software R no curso de Estatística

O software livre R é muito importante para os alunos do curso de Estatística. Possui o maior e melhor conteúdo quando se trata de análises estatísticas, mas é necessário certo grau de conhecimento de sua linguagem de programação para explorar melhor as ferramentas que o software oferece. É amplamente utilizado por acadêmicos e instituições em todo o planeta, por ser versátil e principalmente por ser de livre acesso. Periodicamente o programa passa por uma atualização que incorpora a sua estrutura novos pacotes que são desenvolvidos pelos próprios usuários do programa. Por essas razões o software R tem se tornado cada vez mais utilizado no meio estatístico, principalmente no meio universitário.
Autores: Lucas Oliveira Assis: lucao.fisica em gmail.com

Leia o ARTIGO COMPLETO aqui

nov 02

Os Softwares Livres na produção do jogo Estrada Real Digital, e a utilização do mesmo pelos professores de História

O presente artigo se propõe a analisar alguns aspectos que envolveram a criação do jogo Estrada Real Digital. O enredo do jogo se passa em algumas cidades que compõe o roteiro histórico da Estrada Real. Por um lado, pretende-se levantar quais softwares livres estiveram presentes na produção do jogo. Dessa forma, poderemos compreender, em linhas gerais, quais os desafios e as dificuldades técnicas encontradas pela equipe que desenvolveu o produto. Por outro lado, o artigo refletirá sobre a relevância social do game e de iniciativas semelhantes que buscam aliar as novas tecnologias de informação e comunicação com os processos educativos, mais especificamente o ensino de História. Quais os impactos do uso de jogos na educação formal? Qual a reação de professores? E dos alunos? Essas são algumas perguntas que este artigo tentará responder.

Palavras-chave: Estrada Real Digital, Software Livre, Desafio, Ensino de História, Impacto; Educação.
Autores: Tiago Augusto de Cicco Sandes: tiago.sandes em gmail.com
Elisangela Ribeiro da Silva: elisangela.rsilva em yahoo.com.br

Leia o ARTIGO COMPLETO aqui

nov 02

A dinâmica de uma disciplina online no curso de engenharia: análises e conclusões preliminares

A formação superior em engenharia, historicamente, sempre se apresentou na forma de cursos essencialmente presenciais. Contudo, a crescente utilização do ensino a distância como nova metodologia de ensino, permite a abertura de novos campos à engenharia que também tem que se adaptar e utilizar os recursos que lhe são oferecidos. Contudo, essas mudanças nem sempre são bem recebidas por alunos e professores, já que muitas disciplinas não são de fácil entendimento e requerem visualização e principalmente muito comprometimento dos alunos para com a matéria. Dessa maneira, tendo em vista as dificuldades inerentes ao curso, é importante que disciplinas sempre estejam em constante aproximação com a prática e, com isso e outros recursos mais, atraiam a atenção dos alunos, para garantir ao máximo a motivação dos mesmos.

Palavras Chaves: EAD, Engenharia

Autores: Ygor Henrique de Almeida: ygorha em hotmail.com
Guilherme Lobato de Ávila Couto: lobato.gui em hotmail.com
Douglas Coelho Dutra: doug_cd em yahoo.com.br
André de Oliveira Santos Magalhães: andreosm em gmail.com
Marco Túlio Pascoal Pimenta Batista : marcotpascoal em yahoo.com.br

Leia o ARTIGO COMPLETO aqui

nov 01

Liberdade com Microsoft Office?

O Microsoft Office provavelmente é a suíte de aplicativos paga mais difundida do Brasil. Essa supremacia pode dar a falsa impressão de que esse sistema é livre e de fácil acesso a todos. Porém, muitos têm cópias falsificadas ou “pirateadas” dessa suíte. Então, por que não buscar alternativas gratuitas e livres, ao invés de usar de métodos ilegais para produzir documentos? Diversas empresas conhecidas, como IBM e Google oferecem softwares gratuitos e até livres, com utilidade semelhante à toda a suíte do Office. Portanto, o melhor a fazer é entender e discutir sobre essa supremacia do Windows.
Autores: Bruno Santiago Salles: brunossalles em hotmail.com
Bernardo de Oliveira Costa: bernardoolicosta em hotmail.com
Gustavo Germano Pereira: gutimgermano em gmail.com

Leia o ARTIGO COMPLETO aqui